• mais de 1 ano atrás
    Thumb_32x32

    Anônimo perguntou

    Meu rosto é muito oleoso e meu nariz fica cheio de cravos. Passando a mão nele já sinto a oleosidade. Há algo que posso fazer para reduzir esses cravos?

    • Conteúdo Público
      Visível para todos

    Especialidades

    mais de 1 ano atrás
  • Dra. Cristiane Benvenuto

    CRM 133319 - SP

    Especialidades

    Dra. Cristiane Benvenuto
  • Dra. Cristiane Benvenuto respondeu

    Olá, O tratamento da oleosidade e dos cravos deve ser realizado em duas frentes: - A primeira é a visita ao dermatologista para que ele ou ela possa te indicar produtos adequados para sua pele. A pele varia ao longo do tempo (você percebe que tem épocas do ano em que sua pele fica mais oleosa e que em outras ela parece estar mais sob controle? Há pessoas que ficam com muito mais oleosidade durante o verão, por exemplo). Portanto, os produtos e os cuidados adequados para a pele também podem variar ao longo do tempo. Além disso, o tratamento dos cravos requer um acompanhamento de longo prazo, associando a sua retirada (limpeza de pele cuidadosa) com produtos que modificam a pele para evitar que ela forme mais cravos (existem alguns cremes que o médico pode indicar para isso, além de peelings que podem acelerar o tratamento). Esse processo leva algum tempo - meses - para funcionar bem, mas costuma trazer bons resultados. Depois, é importante que os cuidados sejam mantidos para que a pele não volte a formar mais cravos. Um acompanhamento com o dermatologista vai te ajudar a entender melhor esse processo.  - A segunda frente são os cuidados em casa. É importante evitar lavar a pele com água muito quente, porque o calor estimula a produção de mais gordura na pele. Também é importante evitar lavar a pele muitas vezes por dia. O ato de lavar remove a gordura da pele (o que é entendido pelo organismo como uma agressão) e o organismo reage criando mais gordura (para se defender). Portanto, o melhor é lavar a pele até quatro vezes ao dia com água morna ou fria (não precisa ser gelada) e usar um sabonete adequado para seu tipo de pele (o dermatologista pode indicar um durante a consulta). Nos dias frios, não deixe de hidratar sua pele. O frio tende a ressecar a pele, fazendo com que ela reaja e produza mais oleosidade. Então fique atento: nos dias muito frios ou secos use um hidratante. Mas use um que seja adequado para peles oleosas e que não estimule a formação de cravos (esses produtos também são chamados "não comedogênicos"). A exposição ao sol também tende a piorar a oleosidade. Por isso, evite expor seu rosto muito tempo ao sol, mesmo que esteja usando filtros solares. E quando for ao sol não deixe de usar filtros adequados para a sua pele e "não comedogênicos".  É importante aliar sempre as duas frentes de tratamento e seguir o acompanhamento com o dermatologista. Os resultados podem demorar um pouquinho para começar a aparecer, mas não desista. Com o tempo você irá perceber a diferença. Esperamos ter ajudado Abraço, Cris Benvenuto (quero agradecer ao Brian, estudante, pela participação nessa resposta!)

    Com a colaboração de Braian Sousa (Estudante)
    • Conteúdo Público
      Visível para todos